Timber by www.emsien3.com EMSIEN-3 Ltd

Fale conosco

 

ENDEREÇOS E TELEFONES
Devido a grande demanda de ligações estamos fazendo inicialmente o contato somente por e-mail.
Obrigado pela compreensão!

Tem um cão abandonado na minha rua. O que fazer?

Primeiramente, reflita sobre a oportunidade de cuidar e ajudar este animal. Pense com carinho na possibilidade de adotá-lo. Caso não possa, com um pouco de boa vontade, paciência e criatividade, com certeza, conseguirá um lar que o adote. Não se desespere. 

Lembre-se que um animal é uma vida, e a vida deve ser preservada sempre. Ninguém quer viver abandonado nas ruas, sujeito a maus tratos, fome, sede, frio e solidão. Cães e gatos dependem de nós. 

O ideal é levá-lo à uma Clínica Veterinária, checar sua saúde, vermifugá-lo e vaciná-lo. Posteriormente, caso ele fique um tempo maior com você, pense em esterilizá-lo, evitando assim crias indesejadas e mais abandono.

Quero denunciar um caso de maus tratos.

1. Investigue

Antes de qualquer atitude, certifique-se de que se trata de um caso de maus tratos (conheça as leis em vigor, abaixo). Colha evidências, testemunhos que comprovem a situação. Sempre que possível, procure conversar com o agressor, salientando que os animais são protegidos por leis. Aja de maneira educada, mas objetiva. Tenha em mente que a finalidade é o bem estar do animal.

Leis
- Lei Federal Nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998, a "Lei dos Crimes Ambientais".
- Decreto Lei Nº 24.645, de 10 de julho de 1934, define maus-tratos aos animais.

2. Denuncie

Pela Constituição de 1998, os animais são tutelados pelo Estado, ao qual cabe a função de protegê-los. Os atos de abuso e de maus tratos configuram crime ambiental e devem ser comunicados à polícia, que registrará a ocorrência, instaurando inquérito.

A autoridade policial está obrigada a proceder a investigação de fatos que, em tese, configuram crime ambiental.

Como denunciar:

Toda pessoa que testemunhe atentados contra animais pode e DEVE comparecer à delegacia mais próxima e lavrar um Termo Circunstanciado (TC), espécie de Boletim de Ocorrência (BO), citando o artigo 32 da Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605/98, "Praticar ato de abuso e maus tratos a animais domésticos ou domesticados, silvestres, nativos ou exóticos ".

Caso haja recusa do delegado, cite o artigo 319 do Código Penal, que prevê crime de prevaricação: receber notícia de crime e recusar-se a cumpri-la.

Denúncias por telefone, podem ser feitas pelo "Disque Denúncia":

SUL
RS - 181
SC - 181
PR - 181

SUDESTE
SP - 181
MG - 181
RJ - (21) 2253-1177 / 0300-253-1177 (Petrópolis)

NORDESTE
BA - 3235-000 (Capital) / 181 (Interior)
SE - 181
AL - 0800-2849390 Polícia Civil / (82) 3201-2000 P.M.
PE - (81) 3421-9595 (Capital) / (81) 3719-4545 (interior)
PB - 197
RN - 0800-84-2999
CE - (85) 3488-7877
PI - 0800-280-5013
MA - 3233-5800 (Capital) / 0300-313-5800 (interior)
TO - 0800-63-1190

NORTE
PA - (94) 3346-2250 / 181
AM - 0800-092-0500
RR - 0800-95-1000
AP - 0800-96-8080
AC - 181
RO - 0800-647-1016

CENTRO-OESTE
MT - 197
MS - 147
GO - 197
DF - 197

Se houver demora ou omissão, entre em contato com o Ministério Público ESTADUAL - Procuradoria de Meio Ambiente e Minorias. Envie uma carta registrada descrevendo a situação do animal, o Distrito Policial e o nome do delegado que o atendeu. Você também pode enviar fax ou ir pessoalmente ao MP. Não é necessário advogado.

Para informações sobre MP de outros estados acesse: www.redegoverno.gov.br

Caso o agressor seja indiciado, ele perderá a condição de réu primário, isto é, terá sua "ficha suja". O atestado de antecedentes criminais também é usado como documento para ingresso em cargo público e empresas, que exigem saber do passado do interessado na vaga, poderão recusar o candidato à vaga, na evidência de um ato criminoso (veja ao final outras maneiras de denunciar).

Encontrei um animal atropelado, o que fazer?

O primeiro passo ao encontrar um animal nesta situação é retirá-lo do local de risco, como o meio da rua, por exemplo. Devido a dor, eles podem eventualmente tornarem-se agressivos, não por maldade, mas porque dói e estão morrendo de medo. Aproxime-se do animal com cautela, mostre a ele que está ali para ajudá-lo e somente quando ganhar sua confiança, tente removê-lo. Em seguida, encaminhe-o a uma clínica veterinária. Durante o tratamento, comece a procurar por um adotante, caso não possa ficar com ele. Convide amigos a ajudar, repartindo despesas e no final, você terá salvo uma vida.

Encontrei um animal morto. O que fazer?

As prefeituras têm obrigação de recolher corpos por questões de saúde pública. Basta entrar em contato com a prefeitura ou subprefeitura, informando o local e solicitando a remoção.

Cuidados básicos com meus animais

ORIENTAÇÕES PARA CÃO ADULTO

- Alimentação:
• Animal esta com a alimentação ração max performance adulto. Em caso de troca da ração retirar gradualmente misturando a ração oferecida com a nova. Em caso de troca radical animal poderá ter uma gastroenterite severa, tendo que obter acompanhamento ao veterinário.
• Indicações de alimentação super premium adulto para pequeno porte ou médio ou grande porte, acima de 7 anos iniciar ração sênior. Oferecer 2 vezes ao dia a quantidade correta conforme orientação do fabricante.
• Comedouro de resina e ou inox – lavar com frequência.
• Água fresca mineral ou filtrada à vontade. Trocar todos os dias. Manter bebedouro e comedouro sem contado com a luz solar e longe do local que animal defeca e urina.
• Petiscos: Pedigree equilíbrio natural, ossos Organnact.

- Higiene/manejo:
• Banhos com xampu neutro para cães (sem ectoparasitas associado). Animais de pelo longo banhos a cada 7 dias, e animais de pelo curto banhos a cada 15 dias.
• Escovação dentaria: creme dental para cães da virbac de 2 a 3 vezes por semana.
• Limpeza dos condutos auditivos: epiotic instalar 8gts em cada conduto e massagear atrás das orelhas, limpar a região externa das orelhas com algodão. Realizar limpeza a cada 7 dias.
• Cama ou casinha para dormir, sempre limpa e seca, e que fique em um local protegido. (evitar casinhas de madeira, infestações de pulga).

- Controle de ectoparasitas:
• Frontline plus a cada 30 dias, conforme orientação do fabricante.
• No ambiente: Herbal vet (diluição: 1 ml/litro de água) Passar com um pano em todo o ambiente, no caso de puliciose, borrifar nas paredes, se houver infestações por carrapatos, principalmente próximo ao local onde o animal dorme. Utilizar a cada 07 ou 15 dias, ou dependendo da necessidade, durante 2 a 4 meses.
• Em caso de infestações intensas dedetização.

- Recomendações gerais:
• Corte esporádico das unhas (quando necessário)
• Não passear com o animal no horário das 10h às 16h asfalta muito quente, risco de insolação.
• Imunização V8/V10 e Antirrábica anual e vermifugação semestral.
• Não medicar o animal por conta própria, nem todos os medicamentos é correto para cães podendo intoxicar.
• Em caso do animal apresentar apatia, emagrecimento, diarreia, vômitos e quaisquer outros sintomas anormais levar ao médico veterinário.


ORIENTAÇÕES PARA CÃO FILHOTE

- Alimentação:
• Animal esta com a alimentação ração max performance filhote. Em caso de troca da ração retirar gradualmente misturando a ração oferecida com a nova. Em caso de troca radical animal poderá ter uma gastroenterite severa, tendo que obter acompanhamento ao veterinário.
• Indicações de alimentação super premium filhote pequeno porte até 12 meses de vida, filhotes de grande porte até 18 ,meses de vida, após ração adulta e animal acima de 7 anos iniciar ração sênior. Oferecer 3 vezes ao dia a quantidade correta conforme orientação do fabricante.
• Comedouro de resina e ou inox – lavar com frequência.
• Água fresca mineral ou filtrada à vontade. Trocar todos os dias. Manter bebedouro e comedouro sem contado com a luz solar e longe do local que animal defeca e urina.
• Petiscos: Pedigree equilíbrio natural, ossos Organnact Junior.

- Higiene/manejo:
• Banhos com xampu neutro para cães (sem ectoparasitas associado). Animais de pelo longo banhos a cada 7 dias, e animais de pelo curto banhos a cada 15 dias.
• Escovação dentaria: creme dental para cães da virbac de 2 a 3 vezes por semana.
• Limpeza dos condutos auditivos: epiotic instalar 5-8gts em cada conduto e massagear atrás das orelhas, limpar a região externa das orelhas com algodão. Realizar limpeza a cada 7 dias.
• Cama ou casinha para dormir, sempre limpa e seca, e que fique em um local protegido. (evitar casinhas de madeira, infestações de pulga).

- Controle de ectoparasitas:
• Frontline spray a cada 30 dias, aplique conforme orientação do fabricante.
• No ambiente: Herbal vet (diluição: 1 ml/litro de água) Passar com um pano em todo o ambiente, no caso de puliciose, borrifar nas paredes, se houver infestações por carrapatos, principalmente próximo ao local onde o animal dorme. Utilizar a cada 07 ou 15 dias, ou dependendo da necessidade, durante 2 a 4 meses.
• Em caso de infestações intensas dedetização.

- Recomendações gerais:
• Corte esporádico das unhas (quando necessário)
• Não passear com o animal no horário das 10h às 16h asfalta muito quente, risco de insolação.
• Imunização V8/V10 e Antirrábica anual e vermifugação trimestrais, após adulto semestral.
• Não medicar o animal por conta própria nem todos os medicamentos é correto para cães podendo intoxicar.
• Em caso do animal apresentar apatia, emagrecimento, diarreia, vômitos e quaisquer outros sintomas anormais levar ao médico veterinário.

Doações

Visite a página COMO AJUDAR para conhecer as diversas maneiras de fazer a sua doação.

Parcerias

Sua empresa também é bem-vinda e pode ajudar bastante a rede do Voluntário Animal
Donos de pet shops, por exemplo, podem nos ajudar muito promovendo os eventos de adoção em seus próprios estabelecimentos.

Trabalho voluntário

O Voluntario Animal, necessita de toda a ajuda possível. Quando mais pessoas engajadas à causa, melhor. Voluntários podem trabalhar em nossos eventos de adoção, realizar trabalhos pontuais, ajudar na divulgação da causa, enfim, as possibilidades são muitas, bastando que cada um disponibilize algum tempo e seu talento em prol da causa. Para entrar em nosso banco de dados de voluntários, envie um email.

Eventos e palestras

Todos os nossos eventos são divulgados através de nosso canal no Facebook e também no calendário de eventos aqui no site. Caso queira comparecer a algum, basta verificar a data e aparecer. Será um grande prazer tê-lo conosco.

Também possui profissionais capacitados a realizar palestras sobre a realidade dos animais de rua, as leis vigentes. Para saber mais, basta entrar em contato.

Outros assuntos

Para quaisquer outros assuntos, envie um e-mail para [email protected] que teremos prazer em responder. Como, no entanto, todo nosso trabalho é voluntário e o volume de mensagens recebidas é enorme, pedimos desculpas por eventuais atrasos ou demoras nas respostas. Gostaríamos de ter profissionais dedicados a esta tarefa, mas nosso orçamento não permite.

Newsletter